Exame anti-Mülleriano: o que ele diz sobre a fertilidade feminina?

Saiba por que ele pode ser importante para mulheres que desejam engravidar

Tentando engravidar
regenesis-mulher-e-gestacao-exame-anti-Mülleriano

Muitas tentantes que estão no processo de investigação da fertilidade recebem um pedido de exame anti-Mülleriano, mas o que é esse hormônio pouco conhecido e o que ele diz sobre a fertilidade feminina

Para tirar essas e outras dúvidas, conversamos com a Dra. Klissia Pires Souza, Ginecologista com atuação em reprodução assistida. Continue a leitura e fique por dentro de informações importantes sobre o exame anti-Mülleriano!

O que é o anti-Mülleriano?

“O anti-Mülleriano é um hormônio produzido nos ovários, responsável por regular o crescimento e desenvolvimento dos folículos”, explica a Dra. Klissia.

“Na prática clínica, o hormônio anti-Mülleriano é considerado um importante marcador da reserva ovariana, assim como a contagem de folículos antrais realizada por ultrassonografia transvaginal no início do ciclo menstrual”, explica.

Para que serve o exame anti-Mülleriano?

Esse exame costuma ser solicitado para investigar o tempo de vida reprodutiva de algumas mulheres que desejam engravidar. 

“A previsão da reserva ovariana é de queda até o completo esgotamento da população folicular, pois a mulher não produz óvulos novos. Aos poucos, ela vai perdendo o estoque que foi formado no período embrionário, ainda na fase de vida intrauterina”, explica a ginecologista.

De acordo com a médica, o exame é solicitado para tentantes que possuem um dos seguintes fatores de risco para baixa reserva ovariana:

– história familiar de insuficiência ovariana prematura;

– história de cirurgia ovariana;

endometriose;

– disfunção tireoidiana;

– doenças autoimunes;

– tabagismo;

– pré e pós-tratamento quimioterápico para câncer;

– pacientes com infertilidade sem causa aparente;

– pacientes com má resposta na estimulação ovariana;

– pacientes que optam por engravidar após os 35 anos.

O que acontece quando o exame anti-Mülleriano dá um resultado baixo?

Nesses casos, a Dra. Klissia tranquiliza: é totalmente possível que uma mulher com resultado baixo no exame anti-Mülleriano engravide naturalmente.

“É importante ressaltar que o nível baixo de anti-Mülleriano serve de alerta para o tempo de vida reprodutiva reduzido, não se correlacionando com infertilidade. Enquanto a mulher não entra na menopausa, existe chance de gravidez espontânea”, explica.

É possível aumentar o resultado do anti-Mülleriano?

A médica explica que não, já que ele apenas reflete a reserva ovariana da mulher, que é formada antes mesmo de ela nascer e vai diminuindo aos poucos até a menopausa.

Em alguns casos, porém, é possível verificar uma pequena variação entre exames — especialmente em mulheres que fazem uso de terapia hormonal, como os anticoncepcionais.

“Acredita-se que esses tratamentos reduzem em torno de 20% o valor do hormônio anti-Mülleriano e que o hormônio retorna aos níveis normais após a suspensão do tratamento”, explica.

Agora que você já sabe o que é e para que serve o exame anti-Mülleriano, compartilhe este artigo com outras pessoas interessadas no assunto!

Dra. Klissia Pires Souza | Ginecologista

Klissia Pires Souza é Médica Ginecologista com atuação em reprodução assistida. É supervisora de residência médica em Ginecologia e Obstetrícia do Hospital Universitário da Universidade Federal do Mato Grosso do Sul (UFMS).

Toda tentante vive a angústia da espera pelo resultado positivo, que não tem data certa para chegar. Para ajudar a manter a esperança em alta, conhecer a história de outras mulheres na mesma situação pode ser um alento! Neste depoimento, publicado no canal de Regenesis, a influencer Erica Santos compartilha como engravidou naturalmente aos 38 anos após uma primeira gestação realizada com Fertilização In Vitro. Confira!

logo-regenesis-premium-home

Regenesis é uma linha completa de suplementação com ciência para tentantes e gestantes.

O Regenesis Premium possui 600mg de Ômega-3, Metilfolato (a forma ativa do ácido fólico), 2.000 UI de vitamina D, Ferro além de outras 13 vitaminas e minerais.

Seu suplemento vitamínico durante a gestação!

Conheça a nossa linha de produtos e
encontre a farmácia mais próxima de você.

26-11-2021
anti mulleriano anti mulleriano exame como aumentar o hormonio mulleriano engravidei com mulleriano baixo exame anti mulleriano exame anti mulleriano como interpretar exame hormonio anti mulleriano fator anti mulleriano hormonio anti mulleriano hormonio anti mulleriano baixo hormonio mulleriano baixo o que fazer hormonio mulleriano idade para que serve o exame anti mulleriano
Gostou? Compartilhe com sua rede!

Comentários

Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments