regenesis-mulher-e-gestaca-dicas-de-amamentacao-1

Dicas de amamentação: baixe nosso e-book!

regenesis-mulher-e-gestaca-dicas-de-amamentacao-1

Um ato de amor… e de determinação 

Se a maternidade fosse fácil, ela não seria… a maternidade! Entre gestação, parto, puerpério e cuidar de um bebê pequeno, são muitas emoções, transformações e adaptações – que incluem também o aleitamento materno. Mesmo sendo um processo “teoricamente” natural, seu começo pode ser desafiador para muitas mamães. Por isso, separamos algumas dicas de uma consultora especializada para te ajudar.

“Acho bem importante destacar, antes de mais nada, que não existe uma regra padrão, um modelo. Nem sempre o que funciona para um bebê funciona para o outro – assim como o que ajudou uma mãe será útil para a outra. Temos que entender as singularidades de cada mãe e bebê e respeitá-las”, destaca Veronica Pires, Enfermeira Obstetra e consultora de amamentação. 

O melhor (leite) é sempre no fim!

Ao longo do desenvolvimento do bebê, também há mudanças no leite: na primeira semana de vida, o colostro ajuda na imunidade. De 7 a 10 dias após o parto, vem o leite de transição e, depois dele, o leite maduro, a partir da segunda semana de vida do bebê.

Mesmo o leite maduro também tem composições diferentes ao longo da mamada: no começo, o chamado leite anterior é basicamente água e proteínas; e o chamado leite posterior, que só chega ao bebê depois de algum tempo de sucção, tem uma maior porcentagem de gordura. 

“Não existe um consenso a respeito de quanto tempo demora, pela sucção, para que o bebê acesse o leite posterior. Mas é sabido que mamar apenas o leite anterior não contribui para o ganho de peso nem para manter a produção de leite. Por isso recomendamos que as mamadas dos recém-nascidos tenham, em média, de 20 a 25 minutos de duração e que a mãe preste atenção se o bebê precisa de intervalos maiores ou menores entre as mamadas”, detalha. 


SAIBA MAIS 


Se está doendo, tem algo de errado

A pega é um dos principais obstáculos para uma amamentação sem muitas dificuldades: o bebê não pode pegar apenas o bico do seio, sob o risco de machucar a região; é preciso cobrir também parte da aréola. Esse ajuste faz com que a criança ganhe peso, acesse os dois tipos de leite e estimule a produção de leite da mãe – além de tirar a dor do processo.

Por isso é importante contar com ajuda, seja das mulheres mais experientes do seu círculo social, de consultoras de amamentação, enfermeiras… tudo conta! Ainda mais levando em consideração todas as mudanças que acontecem num período tão curto de tempo. A tecnologia também pode ser uma aliada, com aplicações de laser para acelerar a cicatrização da região, por exemplo. 

“É importante que a mãe sempre tenha uma rede de apoio para conseguir comer, tomar banho, descansar. Caso contrário, corre o risco de não conseguir produzir leite pelo cansaço de estar em função de amamentar e cuidar do bebê 24 horas por dia”, alerta Veronica.

No puerpério e durante todo o período de aleitamento, a “santíssima trindade” da mulher deve ser: descanso, alimentação saudável (incluindo hidratação adequada) e a pega correta.

Quer conferir um guia completo com diversas dicas de amamentação? 

regenesis-site-mulher-e-gestacao-parceiros-veronica-pires

Veronica Pires é Enfermeira Obstetra e consultora de amamentação. Em seu perfil no Instagram, ela compartilha conteúdo sobre os cuidados da maternidade e com bebês – do parto humanizado à amamentação. Confira: @amordemamaevp

logo-regenesis-premium-home

Regenesis é uma linha completa de suplementação com ciência para tentantes e gestantes.

O Regenesis Premium possui 600mg de Ômega-3, Metilfolato (a forma ativa do ácido fólico), 2.000 UI de vitamina D, Ferro além de outras 13 vitaminas e minerais.
Seu suplemento vitamínico durante a gestação!

Conheça a nossa linha de produtos e
encontre a farmácia mais próxima de você.
regenesis-site-mulher-e-gestacao-coronairus-na-gravidez

Coronavírus: bate-papo com Ginecologista

regenesis-site-mulher-e-gestacao-coronairus-na-gravidez

A Organização Mundial de Saúde (OMS) decretou uma pandemia do novo Coronavírus (Covid-19), aumentando o senso de urgência para lidar com a situação. A avalanche de recomendações e fake news gera dúvidas e insegurança sobre o tema, principalmente sobre as consequências do Coronavírus para as mulheres que estão tentando engravidar, as grávidas e as que estão amamentando.

Pensando em oferecer informações relevantes e confiáveis, a Dra. Mariana Rosário, Ginecologista e Obstetra, respondeu as dúvidas enviadas pelas tentantes, gestantes e lactantes que acompanham o perfil @regenesisbrasil.

Assista à live e saiba mais sobre quais os cuidados necessários para evitar o contágio, como adequar a rotina de trabalho, tomar decisões sobre o parto e outras dicas que podem ser úteis para você durante a quarentena.

Ah! E se ainda ficar com alguma dúvida, manda um direct lá no instagram de @regenesisbrasil que a gente corre conversar com um médico para te responder.

Confira a gravação da live realizada na quinta-feira, 19 de março.

regenesis-site-mulher-e-gestacao-parceiros-dra-mariana-rosario

Dra. Mariana Rosario é Médica Ginecologista e Obstetra e atua em São Paulo (SP). Ela tem um perfil no Instagram e aborda os mais variados assuntos sobre gestação, é o @dramarianarosariogineco

logo-regenesis-premium-home

Regenesis é uma linha completa de suplementação com ciência para tentantes e gestantes.

O Regenesis Premium possui 600mg de Ômega-3, Metilfolato (a forma ativa do ácido fólico), 2.000 UI de vitamina D, Ferro além de outras 13 vitaminas e minerais.
Seu suplemento vitamínico durante a gestação!

 
Conheça a nossa linha de produtos e
encontre a farmácia mais próxima de você.

 

regenesis-site-mulher-e-gestacao-mitos-da-gravidez-2

Mitos da gravidez

regenesis-site-mulher-e-gestacao-mitos-da-gravidez

Entre tantos palpites e conselhos que rondam esse intenso período, como saber quais são verdade e quais não passam de mitos da gravidez?

São tantas dúvidas e situações novas que é natural para a gestante querer conhecer experiências e receber conselhos de quem já passou por isso. Mas será que essas histórias têm embasamento médico?

Convidamos, então, a Médica Ginecologista e Obstetra Cristiane Navarro Colombo para esclarecer alguns dos principais mitos da gravidez. Dá uma olhada!

Se a gestante tem muita azia significa que ela está gerando um menino.

Mito. A azia está relacionada a uma digestão mais lenta, provocada pela mudança hormonal da gestação e não tem qualquer relação com o sexo do bebê.

Quando a barriga da grávida é mais arredondada é porque ela terá uma menina. E se a barriga está mais pontuda é porque o bebê é menino.

Mito. O formato da barriga tem relação com o formato do corpo da gestante e com o ganho de peso.

Ter muita azia na gestação indica que o bebê nascerá cabeludo.

Mito. A azia é mais frequente durante a gravidez por conta das mudanças hormonais que ocorrem durante a gestação.


VEJA TAMBÉM:

RECEITAS PARA UMA GRAVIDEZ SAUDÁVEL

CUIDADOS NA GRAVIDEZ: CONHEÇA OS PROFISSIONAIS QUE PODEM ACOMPANHAR A SUA

MAS, AFINAL, O QUE É UM PARTO HUMANIZADO?


Grávida deve se alimentar por dois.

Mito. A gestante deve ser alimentar de forma balanceada, com porções fracionadas ao longo dia.

A gestante não pode ter relações sexuais.

Mito. O sexo só é contraindicado nas gestações de alto risco, como nos casos em que há placenta de inserção baixa, colo curto ou ameaça de trabalho de parto.

A grávida não deve fazer exercícios físicos.

Mito. A gestante deve praticar atividades físicas sem impacto e com controle dos batimentos cardíacos. Pilates, musculação, hidroginástica são boas opções.

As gestantes podem manchar a pele por causa do sol.

Verdade. O melasma, que é o surgimento de manchas escuras na pele, é muito comum durante a gravidez. Por isso, é importante usar protetor solar com ao menos fator 50.

A gestante não pode tomar café.

Parte verdade. A dose indicada é de apenas 1 xícara pequena de café por dia, devido ao risco de hiperestimulação do bebê.

Grávida não pode andar de avião.

Parte verdade. A gestante pode andar de avião até 32 semanas de gestação, mas deverá tomar alguns cuidados extras com voos acima de 8h.O ideal é seguir a orientação do obstetra que estiver acompanhando-a.

Ingerir cerveja preta ajuda a produzir leite.

Mito. É importante que as grávidas evitem todo tipo de bebida alcoólica durante a gestação. Além disso, a produção de leite está relacionada à ingestão de líquidos, à pega correta do recém-nascido e à tranquilidade e confiança da mãe em amamentar.

regenesis-site-mulher-e-gestacao-parceiros-cristiane-navarro

Dra. Cristiane Navarro Colombo é Médica Ginecologista e Obstetra e tem uma clínica em São José do Rio Preto, no interior de São Paulo.

logo-regenesis-premium-home

Regenesis é uma linha completa de suplementação com ciência para tentantes e gestantes.

O Regenesis Premium possui 600mg de Ômega-3, Metilfolato (a forma ativa do ácido fólico), 2.000 UI de vitamina D, Ferro além de outras 13 vitaminas e minerais.
Seu suplemento vitamínico durante a gestação!

Conheça a nossa linha de produtos e
encontre a farmácia mais próxima de você.